Sexta-feira da II Semana da Quaresma

Hora Média
Oração das Nove Horas (Hora Terça)

iintrodução

V.
Vinde, ó Deus, em meu auxílio.
R.
Socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Hino

Na fé em Deus, por quem vivemos,
na esperança do que cremos,
no dom da santa caridade,
de Cristo as glórias entoemos.

Ao sacrifício da Paixão
na hora terça conduzido,
Jesus levando a cruz às costas,
arranca às trevas o perdido.

Vós nos livrastes do decreto
duma total condenação;
do mundo mau livrai o povo,
fruto da vossa redenção.

A Cristo, ao Pai e ao Santo Espírito,
Trindade Santa, Eterno Bem,
nosso louvor e ação de graças
hoje e nos séculos. Amém.

Salmodia
-- salmodia complementar --

Ant. Chegou o tempo de penitência,
de conversão, de salvação.

Salmo 118(119),73-80
X (Iod)

Meditação sobre a Palavra de Deus na Lei

Meu Pai, se este cálice não pode passar sem que eu o beba, seja feita atua vontade! (Mt 26,42).

73 Vossas mãos me modelaram, me fizeram, *
fazei-me sábio e aprenderei a vossa lei!
74 Vossos fiéis hão de me ver com alegria, *
pois nas palavras que dissestes esperei.

75 Sei que os vossos julgamentos são corretos, *
e com justiça me provastes, ó Senhor!
76 Vosso amor seja um consolo para mim, *
conforme a vosso servo prometestes.

77 Venha a mim o vosso amor e viverei, *
porque tenho em vossa lei o meu prazer!
78 Humilhação para os soberbos que me oprimem! *
Eu, porém, meditarei vossos preceitos.

79 Que se voltem para mim os que vos temem *
e conhecem, ó Senhor, vossa Aliança!
80 Meu coração seja perfeito em vossa lei, *
e não serei, de modo algum, envergonhado!

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Salmo 58(59),2-5.10-11.17-18

Oração do justo perseguido

Estas palavras ensinam a todos o amor filial do Salvador para com seu Pai (Eusébio de Cesaréia).

2 Libertai-me do inimigo, ó meu Deus, *
e protegei-me contra os meus perseguidores!
3 Libertai-me dos obreiros da maldade, *
defendei-me desses homens sanguinários!

4 Eis que ficam espreitando a minha vida, *
poderosos armam tramas contra mim.
=5 Mas eu, Senhor, não cometi pecado ou crime; †
eles investem contra mim sem eu ter culpa: *
despertai e vinde logo ao meu encontro!

=10 Minha força, é a vós que me dirijo, †
porque sois o meu refúgio e proteção, *
11 Deus clemente e compassivo, meu amor!
– Deus virá com seu amor ao meu encontro, *
e hei de ver meus inimigos humilhados.

17 Eu, então, hei de cantar vosso poder, *
e de manhã celebrarei vossa bondade,
– porque fostes para mim o meu abrigo, *
o meu refúgio no dia da aflição.

=18 Minha força, cantarei vossos louvores, †
porque sois o meu refúgio e proteção, *
Deus clemente e compassivo, meu amor!

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Salmo 59(60)

Oração depois de uma derrota

No mundo tereis tribulações. Mas tende coragem!Eu venci o mundo! (Jo 16,33).

=3 Rejeitastes, ó Deus, vosso povo †
e arrasastes as nossas fileiras; *
vós estáveis irado: voltai-vos!
4 Abalastes, partistes a terra, *
reparai suas brechas, pois treme.

5 Duramente provastes o povo, *
e um vinho atordoante nos destes.
6 Aos fiéis um sinal indicastes, *
e os pusestes a salvo das flechas.
7 Sejam livres os vossos amados, *
vossa mão nos ajude: ouvi-nos!

=8 Deus falou em seu santo lugar: †
'Exultarei, repartindo Siquém, *
e o vale em Sucot medirei.
=9 Galaad, Manassés me pertencem, †
Efraim é o meu capacete, *
e Judá, o meu cetro real.

=10 É Moab minha bacia de banho, †
sobre Edom eu porei meu calçado, *
vencerei a nação Filistéia!'

11 Quem me leva à cidade segura, *
e a Edom quem me vai conduzir,
12 se vós, Deus, rejeitais vosso povo *
e não mais conduzis nossas tropas?

– Dai-nos, Deus, vosso auxílio na angústia; *
nada vale o socorro dos homens!
13 Mas com Deus nós faremos proezas, *
e ele vai esmagar o opressor.

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Chegou o tempo de penitência,
de conversão, de salvação.

Leitura breve             Is 55,3

Inclinai vosso ouvido e vinde a mim, ouvi e tereis vida; farei convosco um pacto eterno, manterei fielmente as graças concedidas a Davi.

V. Criai em mim um coração que seja puro.
R. Dai-me de novo um espírito decidido!

Oração

Concedei-nos, ó Deus todo-poderoso, que, purificados pelo esforço da penitência, cheguemos de coração sincero às festas da Páscoa que se aproximam. Por Cristo, nosso Senhor.

Conclusão da Hora

V. Bendigamos ao Senhor.
R. Graças a Deus.